top of page
  • Writer's pictureNatureHub Brasil

Fintechs de Soluções Baseadas na Natureza: o segmento 4 de 12 do nosso mapeamento

Updated: Sep 25, 2023


Bem-vindo de volta ao NatureHub - Catalisando uma comunidade na interseção entre as soluções baseadas na natureza (SBN), investimentos, e inovação digital 🍃 🤖

Já estruturamos mais de 400 organizações SBN em uma cadeia de valor que possui 12 segmentos, hoje apresentamos o quarto segmento - Fintech de SBN 🧩

Neste post vamos apresentar:

  1. Quem representa este segmento da cadeia de valor das SBN?

  2. Quais são as principais conclusões sobre esse segmento no banco de dados?

  3. Visão de especialista - Um papo rápido com Dr Manuel Pinuela, Co-Founder & CEO @ Cultivo

Recomendamos que você acesse esse link e preencha o formulário de inscrição gratuita do banco de dados NatureHub para complementar a leitura abaixo 🌐


 

1. Quem representa este segmento da cadeia de valor das SBN?



O segmento de facilitadores de investimentos está passando por mudanças rápidas, com representantes que estão evoluindo rapidamente para atender às necessidades de seus clientes - na maioria dos casos, produtores de soluções baseadas na natureza. A área de interesse principal hoje continua sendo o financiamento através do crédito de carbono e o desenvolvimento de projetos, mas o surgimento das Fintech de SBN mostra que a indústria está amadurecendo e crescendo em novos espaços.


Ao analisarmos o subsegmento de Fintech de SBN, encontramos modelos de negócios que oferecem aos projetos de SBN mais opções para financiar o crescimento e complementar o fluxo de caixa. Esses modelos incluem empréstimos, pagamentos por serviços ecossistêmicos e capital que financia o crescimento do negócio. As Fintech de SBN oferece aos projetos de SBN uma alternativa ao financiamento orientado para crédito de carbono, que pode criar bloqueios de longo prazo (horizontes de tempo de até 30 anos).


A partir do final de 2022, a ONU declarou que há uma necessidade urgente de aumentar as fontes de financiamento para SBN até 2025. Embora fundos de capital natural e empresas de consultoria ajudem a direcionar o capital institucional para o espaço, o crescimento das Fintech de SBN será fundamental para permitir que os projetos de SBN acessem e gerenciem o financiamento de forma mais fácil. Sem isso, os empreendedores desses projetos podem ter menos gás e fluxo de caixa para investir em explorar estratégias inovadoras de crescimento que gerem resultados ambientais e financeiros mais impactantes.


 

2. Quais são as principais conclusões sobre esse segmento no banco de dados?



Hoje adicionaremos 22 novas organizações ao banco de dados, representando o segmento Fintech de SBN (você pode acessar aqui).

Esse segmento representa 5% do banco de dados completo (400+ organizações) que a gente vai compartilhar durante as próximas semanas.

Alguns destaques que encontramos:

  • 60% das organizações estão sediadas no Brasil, com muitas democratizando o acesso a pagamentos por serviços ecossistemicos e incentivos governamentais ecológicos. Embora o mercado Ag tech seja grande, apenas algumas startups têm informações publicamente disponíveis relacionadas com o trabalho no espaço SBN.

  • 23% das organizações apoiam o ecossistema de SBN com acesso ao crédito e empréstimos, gerando receitas a partir do pagamento de taxas de juro.

  • 50% do segmento são financiados por investidores de capital de risco, o que sugere que há espaço para investidores com apetites maiores ao risco. Seria de esperar que houvesse muito mais modelos de Ag tech e nas Fintech de forma mais ampla que pudessem ser replicados no espaço das SBN. Por exemplo, Enduring Planet mostrou que o financiamento baseado em receitas pode ser verticalizado.

Dentro dos 40% das organizações que não estão ativas no Brasil, recomendaríamos acompanhar de perto as seguintes 1) Cultivo 2) Bageera 3) Maya Climate 4) Regen Network


 

3. Visão de especialista - Um papo rápido com Dr. Manuel Pinuela, Co-Founder & CEO @ Cultivo




i) Qual é seu papel e experiência no mundo das SBN?

Eu sou o Dr. Manuel Pinuela, empreendedor serial que se concentrou em construir empresas de tecnologia e dados no setor de impacto por mais de 12 anos. Sou o CEO da Cultivo, uma Corporação de Benefício Público fundada em 2019. A missão da Cultivo é acelerar o investimento na natureza com o propósito de regenerar 1% da terra do mundo em ecossistemas saudáveis.


ii) Como você descreveria a proposta de valor da Cultivo para alguém que é novo na indústria?

A Cultivo é a ponte entre instituições que desejam investir em projetos de alta qualidade que regeneram a natureza e os guardiões da terra que precisam de investimento catalisador em estágio inicial para desenvolver seus projetos. A plataforma da Cultivo é construída com propósito para simplificar o processo de originação, reduzir o tempo e o custo para as instituições fazerem um investimento com maior confiança e um risco reduzido. Uma vez que um projeto recebe investimento, a plataforma da Cultivo fornece transparência e dados para que as instituições possam autenticar as reivindicações de impacto social, carbono neutro (net zero) e saldo positivo para as águas (water positive) em projetos que investiram para seus relatórios corporativos e divulgações financeiras.


iii) Quais são os números ou insights de mercado que te animam no espaço das SBN?

Uma das coisas que realmente me anima é a quantidade e a rapidez da inovação acontecendo no espaço das SBN. O mercado de tecnologia da natureza deve triplicar de tamanho para US$6 bilhões até 2030, o que é realmente encorajador. Naturalmente, a tecnologia é apenas parte da solução, mas pode desempenhar um papel crítico e estamos felizes por ser um dos principais inovadores neste mercado em rápido crescimento.


iv) Quais são as principais dificuldades ou gargalos que, se resolvidos, contribuiriam para o crescimento das SBN?

Precisamos desbloquear trilhões de dólares para projetos de SBN, e rapidamente. Um dos maiores gargalos que vemos é a falta de projetos de alta qualidade que estão em um "nível institucional" para investimento. Os fluxos de capital para projetos baseados na natureza ocorrem com base na confiança, e as instituições precisam de dados para tomar decisões de investimento informadas com segurança. A plataforma da Cultivo fornece essa "infraestrutura de confiança" entre instituições e projetos que ajudará a desbloquear o investimento em escala e velocidade que precisamos.


Fonte da imagem: UNEP, State of Finance for Nature, 2021


v) O que você diria para a comunidade Nature Hub Brasil?

O Brasil abriga alguns dos ecossistemas mais importantes do planeta, e a regeneração da natureza em escala no Brasil é fundamental. Se você é um desenvolvedor de projetos, ONG ou guardião da terra em busca de financiamento em estágio inicial para seu projeto ou uma instituição em busca de projetos de SBN de alta qualidade para investir, entre em contato, ficaríamos felizes em ajudar.

 

Esperamos que tenham gostado do novo segmento!

Na próxima semana continuamos a jornada pela cadeia de valor das SBN com o segmento de instituições da indústria.



💡Quer continuar aprendendo mais?💡

Acesse o link para se inscrever e participar na experiência de 12 semanas que dará acesso a um banco de dados gratuito de mais de 400 organizações de SBN.

8 views0 comments

Comments


interview
bottom of page